quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Vereador Max de Zé de Toinho diz que os banheiros do município são “uma vergonha pública” para os visitantes, feirantes e moradores.

Na sessão de terça-feira (10) o vereador Ney Max Santana Oliveira (Max de Zé de Toinho/DEM) abordou um tema que para ele é considerado “novo”. A situação dos banheiros públicos ao lado do Mercado Municipal (centro da cidade) e utilizados, principalmente, nos dias de feira livre chamou a atenção do vereador.
Max disse que a estrutura precária e a “podridão” devem ser observadas pela administração. O democrata relata que o problema se arrasta desde a gestão anterior e a cada dia se torna pior. “Infelizmente, eu não sei o que está acontecendo com essa administração porque o abandono está tomando conta de Ribeirópolis, em todas as áreas”, lamentou Max.

“Aqueles banheiros públicos do município são uma vergonha. Aquilo está em estado de calamidade pública”, denunciou Max alertando o líder e a vice-líder da base situacionista para apelar ao prefeito João Francisco (João de Nega/PSB). Outro ponto citado pelo democrata foi às condições do prédio do ‘Mercado da Farinha’, o qual coloca em risco quem utiliza o espaço.

Concorda
O vereador Pedro Francisco de Oliveira (Pedrinho da Topic/PT) concordou com o apelo feito por Max de Zé de Toinho e não vê dificuldade para resolver a situação. “É uma vergonha para Ribeirópolis. Com R$ 10 mil com certeza reformaria a parte dos sanitários. É o mínimo para a prefeitura”, ponderou o Presidente da Câmara na tribuna.


Franklin Andrade
ASCOM/Câmara de Vereadores