terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Edvan Amorim sobre rompimento com Déda: "Não perco um segundo de sono".

Oposição? "Não discutimos isso ainda. Na hora certa, tomaremos a decisão certa", preveniu

Edvan Amorim sobre rompimento com Déda:

Edvan e Déda: rompimento?

Por Joedson Telles

Líder do agrupamento político encabeçado pelo PSC, o empresário Edvan Amorim assegurou, no início da tarde desta terça-feira 28, não estar preocupado com o rompimento da aliança firmada entre o seu bloco político e o governador Marcelo Déda (PT). Edvan salientou não ter sido informado oficialmente de nenhuma exoneração por parte do governador Marcelo Déda envolvendo um aliado seu.

Todavia, o líder do PSC avalia que o governador Marcelo Déda "tem a caneta em mãos" e deve ficar à vontade para agir da forma que achar melhor para o seu governo. "É decisão dele. Não perco um segundo de sono por conta disso", disse Edvan Amorim.

Em sintonia com o senador Eduardo Amorim, Edvan observou que os deputados do seu grupo deram apoio ao primeiro governo de Marcelo Déda sem exigir cargos, e ocuparam as secretarias oferecidas pelo governador, neste segundo governo, sem fazerem escolhas.

Com a notícia das exonerações dos deputados Zeca da Silva e João das Graças (da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio Ciência Tecnologia e da Secretaria de Relações Institucionais e Articulação Política, respectivamente), Edvan não descarta que a bancada esteja indo para a oposição. "Não discutimos isso ainda. Na hora certa, tomaremos a decisão certa", preveniu o líder.

Da redação Universo Político.com