terça-feira, 17 de agosto de 2010

Povo de Ribeirópolis abraça candidatos dos Passos.


MAX DE ZÉ DE TOINHO se fez presente e foi citado no discurso do SENADOR MACHADO.
Foi na Região Agreste, que João Alves, candidato ao Governo de Sergipe pela coligação “em nome do povo”, realizou uma mega carreata e motorata, no sábado, 14 de agosto, partindo do município de São Domingos em direção à Macambira, Campo do Brito, Itabaiana, Moita Bonita e finalizada com um grande comício em Ribeirópolis.

Ainda no início da tarde em São Domingos, a emoção de receber o apoio e a adesão dos motoboys e mototaxistas contagiou João Alves, que parou o trajeto da carreata, desceu do veículo, montou na carona de uma moto e circulou pela cidade, demonstrando solidariedade aos trabalhadores, pais de família, rigorosamente perseguidos em Sergipe.

A mobilização e o grande número de veículos e motos no evento se deveu ao empenho e força política do líder Luciano Bispo, prefeito de Itabaiana. Em Ribeirópolis, a festa organizada para recepcionar João Alves foi comandada pela ex-prefeita Regina Passos.

“Dr. João este povo todo está aqui trabalhando para que o senhor volte para o governo com o compromisso de desenvolver Sergipe, trabalhar pelo progresso e para gerar trabalho e renda para os nossos filhos e para o nosso povo”, discursou Luciano Bispo.

Ao iniciar seu discurso, Regina Passos pediu um minuto de silêncio, em repúdio ao que classificou como “o sepultamento do Hospital Carlos Firpo”. A ex-prefeita explica que a população da região sofre com a desassistência dos serviços de saúde pública há cerca de 40 meses, quando o Governo do Estado deixou de aplicar mensalmente R$ 320 mil, delegando a administração do hospital à prefeitura da cidade.

Segundo Regina Passos, o sepultamento do hospital se materializa com a inauguração de uma pequena clínica da família, que não apresenta condições técnicas de realizar cirurgias e garantir os serviços implantados no último governo de João.

Ela lembra que, nos últimos 10 anos, a população sofre com duas interrupções das atividades do hospital. A primeira, no Governo Albano Franco; e a segunda, no Governo Marcelo Déda. Na avaliação da população, as duas interrupções se deram por perseguição política, explica a ex-prefeita.

“Quero firmar três compromissos com o meu povo: a erradicação de casas de taipa em todo interior sergipano; o resgate do programa das ovelhinhas para dar auto sustentação às famílias do sertão; e assegurar ao povo de Ribeirópolis e da região circunvizinha, a reabertura e modernização do Hospital Carlos Firpo ”, garantiu João, durante o comício no município.

Prestigiou o evento, Nilson Lima, candidato a vice-governador; além dos candidatos a senadores Emanuel Cacho e José Carlos Machado; demais candidatos proporcionais, amigos de João, aliados, ex-prefeitos e ex-vereadores.

Da assessoria do candidato